26 de julho de 2011

Sapatilhas de Kung Fu


Seleção de sapatilhas de kung fu.  Tentamos escolher as melhores opções para você desfrutar bem do seu treino.

Mais artigos sobre sapatilha clique aqui






ShenLong

Escolha CUSTO-BENEFÍCIO Câmara Shao Lin
Sapatilha de Kung Fu e Tai Chi Chuan ShenLong
ShenLong
A sapatilha ShenLong foi a que mais nos chamou a atenção pelo fato de ter uma qualidade boa e o preço não é alto como as sapatilhas das grandes marcas, como Adidas e Nike.
Esse produto chama atenção pelas telas laterais, que facilitam a ventilação, pelo solado que sobe por trás protegendo o calcanhar nos movimentos que erguem as pontas dos pés e pelo modo como veste feito uma meia.





Nike Shaolin Quan


Sapatilha de Kung Fu Nike Shaolin Quan
Shaolin Quan
Fabricado com couro de canguru, a Nike Shaolin Quan é leve, flexível e com quatro pontos de rotação na sola. Tem uma inscrição em chinês na lateral que significa "Herói dentro, solte-o". Particularmente, achei bonita e inovadora, porém não tive o privilégio de testá-la. Pode-se notar no calcanhar uma continuação da sola, o que facilita movimentos de alongamentos, travas e outros que utilizem esta parte. Segundo alguns sites, o couro foi feito para produzir um som diferente ao bater na mão do atleta. Conheço os produtos da Nike e, provavelmente, este é bom.
Infelizmente a Nike não fabrica mais esse modelo.





Adidas Kundo II

Escolha QUALIDADE Câmara Shao Lin
Kundo II
O modelo Adidas Kundo tem alta durabilidade, possui furos laterais para ventilação do pé e sistema de torção entre o calcanhar e a ponta do pé. O destaque dessa sapatilha é o sistema de absorção de impacto no calcanhar. Círculos de rotação na sola do pé auxiliam em chutes e rasteiras. O fato de ter cadarço no peito do pé pode incomodar alguns, mas não chega a ser um defeito.



Adidas Adilux


Adilux
Cara, mas de alta qualidade e anatômica. Possui pequenos furos para melhor ventilação e círculos nas solas para facilitar a rotação dos pés. A meu ver o fato de não ter o cadarço no peito do pé, dá um conforto para chutes em alvos. Não há esse modelo no Brasil ainda.


Adidas SM2


Sapatilha de Kung Fu Adidas SM2
SM2
O modelo SM2 da Adidas, criada inicialmente para Taekwondo, tem uma boa relação custo-benefício e não possui cadarço no peito do pé. Entretanto, não possui o sistema de torção entre o calcanhar e a ponta do pé. Não há esse modelo no Brasil ainda.



Adidas Kundo


Versão, sem amortecimento, da sapatilha Kundo II citada anteriormente. Esse modelo é vendido no Brasil.



FX4


Sapatilha de Kung Fu FX4
FX4
A FX4 é uma sapatilha desenvolvida para o uso de quem treina kung fu e possui desenhos bem adequados à arte. Essa sapatilha possui palmilhas especiais e um calcanhar protegido contra impactos. Na sola encontramos o desenho de uma fênix e as laterais dos modelos de couro sintético se assemelham às listras de um tigre. Esse modelo é bem leve, o couro é resistente e o solado tem uma aderência adequada. O preço era um grande atrativo, pois esta fábrica fechou e não há mais disponíveis no mercado.


Punch Dragon


Sapatilha de Kung Fu Punch Dragon
Punch Dragon
Sapatilha simples, sem muita tecnologia anti-impacto, com palmilha e solado frágeis. A grande vantagem é o preço e a disponibilidade em lojas do Brasil.



Feiyue


Sapatilha de Kung Fu Feiyue
Usada pelos monges shaolin e muito barata, mas de qualidade duvidosa e pouca durabilidade. Apesar de simples, proporciona boa estabilidade nos katis. Não gosto quando ela torce no pé ao fazer uma base mais baixa.



Jugui


Sapatilha de Kung Fu Jugui
Jugui
As sapatilhas da Jugui são bem leves e tem uma boa aderência ao solo. Contam com a vantagem do cadarço não incomodar na hora do chute. No entanto, a durabilidade é bem pouca e o principal desgaste se encontra na sola que quebra bem na costura.



Chuteiras de futsal


Por muito tempo utilizei chuteiras de futsal por terem o mesmo princípio das sapatilhas de Kung Fu, como resistência para aguentar chutes, serem leves, possuírem solados que evitam a torção do tornozelo e aguentarem movimentos bruscos com os pés de apoio, que poderiam danificar o produto.


Mais artigos sobre sapatilha clique aqui